sábado, 31 de dezembro de 2016

Random #10

2016 foi um ano agridoce, difícil de digerir em vários sentidos. Foi o ano de mudanças, a nível pessoal, familiar e principalmente, profissional. Se por um lado senti que o início do ano estava a trazer tudo aquilo que eu desejava, lá para o meio as coisas estagnaram e foi como se a minha vida também tivesse parado e depois sou presenteada com um fim de ano cheio de mudanças inesperadamente boas. Mas ainda há tanto para melhorar, para mudar e para acontecer. 
Que 2017 nos traga tudo o que 2016 não trouxe, que seja o ano de desbravar novos caminhos e conhecer tudo aquilo que ainda não conhecemos. Que seja um ano cheio de saúde, trabalho, amor e muita paz! 
As reflexões literárias do ano de 2016 terão que ficar para mais tarde, mas não são tão positivas quanto gostaria, mas 2017 será melhor, é esse o meu desejo.

domingo, 25 de dezembro de 2016

Random #9

Olá! Esta última semana que passou foi o caos, uma azáfama total: comprar as últimas prendas de Natal, muito trabalho devido à época do ano em que estamos e muitos preparativos a meter em ordem nestes últimos dias e a ajudar, muito cansaço a instalar-se. Devido a isso não consegui mesmo passar por aqui antes para vos desejar um Feliz Natal, mas antes tarde do que nunca.

Um Feliz Natal para todos vocês, que se façam acompanhar de todos aqueles que mais gostam e, muitas vezes, não têm oportunidade de ver ao longo do resto do ano e que tenham algumas prendas no sapatinho, se forem livrinhos melhor ainda.

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Opinião | Muito mais que 5inco minutos - Kéfera Buchmann

Olá! Hoje venho partilhar a minha opinião sobre um livro que conheci de forma bem peculiar e que não lendo muito livros do género, até gostei bastante. É um registo de algo mais leve e com um tom divertido, aquilo que estava mesmo a precisar na altura em que fiz esta leitura.

Título: Muito mais que 5inco minutos
Autora: Kéfera Buchmann
Editora: Marcador
Edição/reimpressão: 2016
ISBN: 9789897542411
Páginas: 144
Sinopse: "Com uma mistura de humor, improviso e sinceridade chocante, Kéfera Buchmann é hoje um dos maiores fenómenos da net brasileira. 
O canal que gere desde 25 de julho de 2010 no YouTube, 5inco Minutos, é visto por milhões de pessoas. Mas de onde veio o furacão Kéfera? É disso que nos fala neste livro, que reúne algumas das suas histórias de infância e adolescência, anteriores ao fenómeno que ela é hoje. Sem papas na língua, escreve sobre relações, fala do primeiro beijo, confessa puros momentos de… aperto e aborda temas difíceis, como o bullying de que foi vítima na escola. 
O resultado é muito mais do que um livro de alguém famoso, mas igual a todos nós."

Opinião: Creio que o meu conhecimento e contacto com este livro aconteceu de forma inversa à maioria das pessoas que quis lê-lo. Passo a explicar: desconhecia completamente este lançamento e esta autora. Tudo começou quando passo por uma livraria em jeito de ritual, vou à parte dos lançamentos e vejo esta capa cor-de-laranja que é possível ver a não sei quantos metros de distância. Vá-se lá saber porquê peguei no dito cujo e folheei-o um pouco e o cuidado tido na estética interior deste livro agradou-me bastante. Assim que cheguei a casa e tive oportunidade fui pesquisar um pouco sobre o livro e só então descobri que a Kéfera era de facto uma youtuber brasileira muito conhecida, claro que movida pela curiosidade fui espreitar o seu canal e soltei umas quantas gargalhadas. Fiquei fã e rendida ao seu sentido de humor que certamente não agrada a todos. Ver vídeos da Kéfera está no meu top de coisas a fazer quando preciso de descontrair.
     Neste livro a Kéfera fala-nos um pouco de como foi a sua vida antes do youtube entrar na sua vida e levá-la ao sucesso que tem atualmente. Desde as primeiras páginas percebemos que nem sempre a sua vida foi fácil ou lhe mostrou o melhor dos sorrisos, mas ela manteve-se sempre fiel a si mesma e desde cedo demonstrou ser ligeiramente diferente. Não se sentia confortável a ser mais uma ovelha a seguir o rebanho, preferindo até ser o cordeiro afastado do mesmo.
   Gostei particularmente do tom divertido com que ela escreve, mesmo quando está a falar em primeira mão dos problemas que teve na sua adolescência. O que me fez pensar que este livro é perfeito para esta faixa etária porque apesar de ela nos falar desde que era mesmo pequenina, foca-se muito na adolescência e em tudo o que esta envolve. O primeiro beijo, o primeiro namorado, as amizades, bullying, a entrada da internet na vida dos jovens, são alguns dos tópicos que podemos ler neste livro. De todos, o meu capítulo preferido foi aquele em que ela falou sobre as suas célebres idas à esteticista e quem já leu sabe certamente bem daquilo que eu estou a falar.
    Apesar de ela usar algum humor para expor as suas vivências e deixar alguns avisos, a parte educativa está lá e até de uma forma bem simpática e que não vai passar despercebida aos mais novos.
   É um livro em que a Kéfera é precisamente aquilo que já conheciam, mas de forma mais aprofundada. Não existem formas suaves de dizer as coisas, nem tão pouco papas nas língua desta jovem que é, sem dúvida alguma, uma comunicadora nata e com grandes probabilidades de lançar boas influências sobre os mais novos através do seu exemplo de vida.
   A escrita não é nada por aí além, uma vez que este livro é uma espécie de diário com alguns acrescentos: fotos bem engraçadas, inclusive da Vilma que eu tanto adoro.

Classificação: 

Playlist:


Esta leitura teve o apoio da Marcador editora que me enviou o exemplar em troca de uma opinião sincera.





quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Passatempo de Natal | Livro "Tens coragem?" de Megan Abbott

Olá! Mais um passatempo de Natal aqui no blog, sendo que este é de um livro que estou a ler atualmente e que espero conseguir terminar entretanto para ver se partilho a minha opinião sobre ele antes de o passatempo terminar.
Este passatempo, à semelhança do anterior, vai prolongar-se um bocadinho para depois de Natal porque eu já o estou a lançar tarde, mas não consegui mesmo fazê-lo antes, contudo para todos os efeitos são ambos passatempos de Natal.

Sinopse: "Addy Hanlon sempre foi a melhor amiga de Beth Cassidy e a sua parceira de confiança. Ambas cheerleaders temidas pelas raparigas da escola, atingiram o pico das suas carreiras no secundário e lideram uma claque intensamente competitiva e admirada por todas as colegas - até ao momento em que chega a nova treinadora. Dominante e carismática, e uma emissária do mundo adulto além do alcance das jovens, a treinadora Colette French seduz Addy e as outras cheerleaders com o seu charme. 
Apenas Beth, incapaz de aceitar a nova autoridade, permanece fora do círculo de confiança da treinadora, tentando por todos os meios recuperar a sua posição como cheerleader de topo. Mas quando um crime abala a comunidade, começa uma investigação policial que tem como alvo as alunas da escola. À medida que se aproxima o final da época, Addy e Beth irão aprender, da pior forma, que as fronteiras entre lealdade e amor podem ser um terreno perigoso num jogo que já ultrapassou todos os limites."


Regras de participação:

- Passatempo válido até às 23h59 do dia 28 de Dezembro;
- Cada pessoa só pode participar uma vez, sendo obrigatório para validar cada participação:
  • Partilhar o passatempo publicamente no facebook;
  • Ser seguidor público do blogue Sabores e Dissabores Literários.

- Para conseguirem duas entradas extras neste passatempo basta:

  • Fazer gosto na página do facebook do blogue Sabores e Dissabores Literários;
  • Fazer gosto na página do facebook editora Saída de Emergência.
(Os respetivos links das páginas estão no formulário do passatempo.)

- O livro será enviado por mim e não me responsabilizo por qualquer extravio da parte dos ctt.
- Só serão aceites participações de residentes em Portugal Continental e Ilhas.
- O vencedor será escolhido através do random.org e, posteriormente será anunciado aqui no blog e contactado por e-mail.



Este passatempo é promovido em parceria com a editora SAÍDA DE EMERGÊNCIA:

Boa sorte!

Passatempo de Natal | Livro "Promete-me" de C.M Cruz

Olá! O primeiro passatempo de Natal vai ser de um livro que li há relativamente pouco tempo e do queal gostei mesmo muito. Podem ler a minha opinião pormenorizada aqui.
Para quem quiser participar no passatempo e não for fã de eróticos, posso desde já dizer que este livro vai muito além disso, trata assuntos sérios e de alguma sensibilidade, contém cenas de sexo explícitas é um facto, mas pela mensagem que tem e os temas que aborda já é uma leitura que vale mesmo a pena fazer!
Este passatempo vai prolongar-se um bocadinho para depois de Natal porque eu já o estou a lançar tarde, mas não consegui mesmo fazê-lo antes, contudo para todos os efeitos este e o passatempo seguinte são de Natal.

Sinopse:                                     "A minha vida era completa e perfeita.
Era feliz, amada e protegida.
Até que tudo mudou, quando fui raptada.
Após quase 7 anos como escrava, encontrei a minha liberdade.
Mas até que ponto eu estava realmente livre?
Elizabeth Collins tinha tudo o que sempre sonhou. O emprego para o qual estudou, uma família que a adorava e um namorado que a amava.
Foi com o pensamento de um futuro promissor, que o mundo da Beth desabou aos seus pés.
Ela foi raptada, torturada e violada por 7 longos anos. Levada para um mundo de terror e sofrimento, foi forçada a anos de cativo, sem esperança.
Mesmo tendo encontrado a sua liberdade, estará ela realmente livre? Irá ela conseguir viver num mundo onde os monstros de verdade existem? Ou será que o Alec Brenner a conseguirá salvar de seus demónios?
Uma promessa foi tudo o que ela pediu. Mas não era uma promessa qualquer. Será o Alec capaz de cumprir o prometido? Mesmo que isto signifique perder a Beth para sempre?"


Regras de participação:

- Passatempo válido até às 23h59 do dia 28 de Dezembro;
- Cada pessoa só pode participar uma vez, sendo obrigatório para validar cada participação:
  • Partilhar o passatempo publicamente no facebook;
  • Ser seguidor público do blogue Sabores e Dissabores Literários.

- Para conseguirem mais três entradas extras neste passatempo basta:
  • Fazer gosto na página do facebook do blogue Sabores e Dissabores Literários;
  • Fazer gosto na página do facebook da autora C.M. Cruz;
  • Fazer gosto da página da editora (Chiado Editora).
(Os respetivos links das páginas estão no formulário do passatempo.)

- O livro será enviado pela editora pelo que não me responsabilizo por qualquer extravio da parte dos ctt.
- Só serão aceites participações de residentes em Portugal Continental.
- O vencedor será escolhido através do random.org e, posteriormente será anunciado aqui no blog e contactado por e-mail.



Este passatempo é promovido em parceria com a autora C.M. CRUZ e a CHIADO EDITORA:

Boa sorte!

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Opinião | O conto da ilha desconhecida - José Saramago

Olá! Hoje trago mais uma opinião de uma leitura que foi feita para o projeto Ler os nossos. Espero sinceramente ter a oportunidade de ler mais coisas deste autor em breve.

Título: O conto da ilha desconhecida
Autor: José Saramago
Edição/reimpressão: 1997
Páginas: 67
Sinopse: "Um homem vai ao rei e lhe pede um barco para viajar até uma ilha desconhecida. O rei pergunta como pode saber que esta ilha existe, já que é desconhecida. O homem argumenta que assim são todas as ilhas até que alguém desembarque nelas. Este pequeno conto de José Saramago pode ser lido como uma parábola do sonho realizado, como um canto de otimismo em que a vontade ou a obstinação fazem a fantasia ancorar em porto seguro."

Opinião: O meu primeiro contacto com este autor foi na Secundária quando me fizeram ler o Memorial do Convento que confesso ter lido muito por alto, porque sinceramente naquela altura não consegui apreciar devidamente o autor e a sua escrita, isso é um ponto assente. Mas sempre tive ciente na ideia de que um dia mais tarde iria querer reler este autor e conseguir gostar e não sei bem como este mês deu-me para pegar neste conto dele.
    Vi tanta gente a ler este conto para o projeto Ler os nossos que decidi também eu fazê-lo e gostei tanto, mais do que esperava.
    Um conto curtinho mas com uma mensagem enorme e com grandes lições de vida a reter. Neste conto temos a história de um homem que vai ao rei pedir um barco para poder viajar para a ilha desconhecida e a pergunta mais óbvia é como é que ele sabe da existência dessa ilha tida como desconhecida e a partir daí decorre a ação e um conjunto de momentos que fazem esta história belíssima.
     De todas as mensagens que este conto me passou a mais importante a reter é que nunca devemos deixar que ninguém nos diga o que fazer e no que acreditar e, que os sonhos existem para ser explorados e vividos à nossa maneira. Não desistir é e deve ser sempre uma das palavras chave da vida.

"Gostar é provavelmente a melhor maneira de ter, ter deve ser a pior maneira de gostar." 
Pág: 6
Classificação: 


Playlist:
Quem desse lado é fã de José Saramago?